sábado, 20 de dezembro de 2014

E daí se eu quero dar???

Certamente teus olhos curiosos correram a este texto, por causa do título tão sugestivo. Mas, não é nada disso que você está pensando. Eu quero dar aquilo que não estão dando mais. Eu quero dar, mesmo sabendo que muitos não dão, e nem darão. Eu quero dar, por acredito que dar é a melhor coisa na vida de quem entendeu e conheceu a vida daquele que deu.
        Eu quero dar valor às coisas simples da vida.
        Eu quero dar valor aos desvalorizados.
        Eu quero dar valor, mesmo sem ser valorizado.
       Eu quero dar importância a aqueles que perderam sua importância.
        Eu quero dar importância, mesmo sem ganhar importância.
        Eu quero dar amor aos que tem falta de amor.
        Eu quero dar amor, mesmo sem receber amor.
        Eu quero dar perdão aqueles que não perdoam.
        Eu quero dar perdão, mesmo sem ser perdoado.
        Eu quero dar compreensão aos incompreendidos.
        Eu quero dar compreensão, mesmo sem ser compreendido.
        Eu quero dar atenção aos desatentos.
        Eu quero dar atenção, mesmo sem receber atenção.
        Eu quero dar carinho, mesmo sem receber carinho.
      Eu quero dar meu compromisso de fidelidade a minha esposa e família, mesmo sabendo que muitos não dão.
        Eu quero dar minha vida a Cristo, porque primeiro Ele deu a sua por mim.
        Só aprenderemos a dar, quando conhecermos aquele que mais deu...
       “Se a forma Dele me amar, foi dando sua vida por mim, dei a minha pra ele”.

“Ninguém tem maior amor do que este, de dar alguém a sua vida pelos seus amigos”. Jo. 15.13

Artigos Relacionados

0 comentários:

Postar um comentário